Valores

A burocracia após a chegada do bebê eu

A burocracia após a chegada do bebê eu


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Quando um bebê nasce, os pais devem se organizar para realizar uma série de procedimentos administrativos no Registro civil, no Segurança social E no Prefeitura. São necessários para fazer do recém-nascido um cidadão com todos os seus direitos e deveres. nosso site oferece um guia completo sobre como e quando registrar seu bebê recém-nascido.

O registro é obrigatório. Deve ser feito entre 24 horas e 8 dias após o parto. Em caso de força maior, o prazo é de 30 dias. O recém-nascido pode ser inscrito no Registro civil local de nascimento ou no domicílio dos pais.

Siga o passo a passo de como os pais podem se organizar, mesmo antes de dar à luz seu bebê:

- No final da gravidez, os formulários podem ser reunidos para prepará-los. Após o nascimento, você só tem que entregá-los.
- Se o casal é casado, com a presença do pai bastará para fazer os arranjos.
- Se os pais não forem casadosEles terão que esperar a alta da mãe para iniciar os procedimentos, pois sua presença é obrigatória.
- Uma agência pode lidar com quase todas as formalidades relacionadas ao nascimento de um bebê. O preço oscila entre 30 e 70 euros, e inclui desde a inscrição do recém-nascido no registo até ao pedido de ajuda financeira.

- Se os pais forem casados, o pai pode ser mandado porque não é necessária a presença da mãe.
- Se não forem casados, pai e mãe devem comparecer juntos ao Registro Civil.
- Se algum dos dois for divorciado, você deverá apresentar a sentença final de separação ou divórcio.

Que documentação deve ser apresentada pPara registrar o bebê onde nasceu?

- A parte original da Maternidade (papéis amarelos que são entregues no hospital). Consiste no pedido de registo, ficha técnica do Instituto Nacional de Estatística e relatório médico.
- DNI original e fotocópia do pai e da mãe, (ambos os DNI devem conter o endereço atual, caso contrário, portar certificado de registro).
- Livro de família original para registro.

Para registrar o bebê onde os pais estão registrados:

- Toda a documentação mencionada na seção anterior.
- A certidão de registo do casal, se o município onde se pretende efectuar o registo não constar do DNI.
- Certidão atestando que a criança não foi cadastrada na cidade onde nasceu, através do hospital (deve ser solicitada no endereço do centro antes da alta).
- O pai e a mãe devem ir ao cartório juntos.

Quando a documentação é coletada?

Na maioria dos Registros Civis a inscrição é imediata, mas em outros, o Livro de Família só pode ser recolhido depois de algumas semanas. Até então, é entregue uma Minuta de Lançamento para que os pais possam realizar os demais procedimentos.

Em muitos municípios, o registro de nascimento no registro municipal é feito automaticamente, uma vez recebida a comunicação do Registro Civil. Este processo é lento e para o tornar mais rápido, os pais preferem eles próprios solicitar a alta.

Quem deve realizar o procedimento?
- Qualquer familiar com documento de identificação, original e cópia.
- O pai ou mãe, ou terceiro com autorização.

Onde registrar o bebê?
- Na prefeitura onde os pais estão registrados.
- Pelo menos um deles deve estar cadastrado no mesmo endereço do recém-nascido, pois o menor não pode se cadastrar sozinho.

Como cadastrar o bebê no Cadastro Municipal?
- Dirija-se ao cartório e apresente o original do Livro de Família.
- Em algumas prefeituras, pode até ser feito pelo correio, baixando o formulário no site da sua prefeitura.
- No Registro Civil se oferecem para fazê-lo.

Marisol New.

Você pode ler mais artigos semelhantes a A burocracia após a chegada do bebê eu, na categoria Diálogo e comunicação in loco.


Vídeo: Penal à queima roupa com Prof. Carolina Carvalhal (Junho 2022).